Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/7222
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
adrianaimaculadafernandes.pdf2.36 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Type: Dissertação
Title: A luta pela redução da jornada de trabalho na contemporaneidade: analise dos sujeitos e cenário na Universidade Federal de Juiz de Fora
Author: Fernandes, Adriana Imaculada
First Advisor: Coimbra, Ana Lívia de Souza
Referee Member: Oliveira, Ednéia Alves de
Referee Member: Castro, Rômulo de Souza
Resumo: O presente estudo tem por objetivo contribuir para o debate e análise crítica acerca das relações de trabalho, principalmente no âmbito do setor público, buscando apresentar a relação entre a redução da jornada de trabalho, exercício do tempo livre e condições de vida e de trabalho dos servidores da UFJF. Para isso, foram entrevistados sete trabalhadores técnico-administrativos em educação, dentre eles um representante sindical, a fim de analisar as percepções desses trabalhadores acerca do processo de regulamentação da jornada de trabalho reduzida, e sua repercussão em suas atividades de trabalho e em sua vida fora do trabalho. Os entrevistados foram unânimes em afirmar a jornada de trabalho de seis horas diárias como um fator importante no equilíbrio entre tempo de trabalho e tempo livre: pela ótica do trabalho na UFJF, a importância da ampliação do horário de funcionamento dos setores para atendimento aos usuários; para os servidores, a possibilidade de dedicação do tempo livre a atividades consideradas prazerosas, como viagens e passeios em família, e também na busca por informação e conhecimento.
Abstract: This study aims to contribute to the debate and critical analysis about labor relations, especially in the public sector, seeking to present the relationship between the reduction of working hours, the exercise of free time, living and working conditions of the workers servers of the UFJF. To that end, seven technical-administrative workers in education were interviewed, among them a union representative, in order to analyze the perceptions of these workers about the process of regulation of the reduced working day, and the repercussion in their work activities and in their life off work. Interviewees were unanimous in affirming the six-hour workday as an important factor in the balance between working time and free time: from the perspective of work in the UFJF, the importance of expanding the hours of operation of the sectors to serve users; for the servers, the possibility of dedicating free time to activities considered pleasurable, such as trips and family outings, as well as the search for information and knowledge.
Keywords: Jornada de trabalho
Tempo de trabalho
Tempo livre
Serviço público
Universidade
Work day
Working time
Free time
Public service
University
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Institution Initials: UFJF
Department: Faculdade de Serviço Social
Program: Programa de Pós-graduação em Serviço Social
Access Type: Acesso Embargado
URI: https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/7222
Issue Date: 7-Aug-2018
Appears in Collections:Mestrado em Serviço Social (Dissertações)



Items in DSpace are protected by Creative Commons licenses, with all rights reserved, unless otherwise indicated.