Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/1557
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
paulacarolinadesouzachandretti.pdf2.73 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Type: Dissertação
Title: Análise histológica de enxertos ósseos autógenos fixados nas extremidades com etilcianoacrilato comparados com enxertos fixados com parafuso de titânio na região central: um estudo experimental em ratos
Author: Chandretti, Paula Carolina de Souza
First Advisor: Assis, Neuza Maria Souza Picorelli
Co-Advisor: Gollner, Ângela Maria
Referee Member: Mainenti, Pietro
Resumo: Os enxertos ósseos autógenos onlay são largamente utilizados na reconstrução de rebordos alveolares atróficos. Recentemente, o etilcianoacrilato tem sido sugerido para a fixação desses enxertos. O objetivo deste estudo foi realizar uma análise histológica qualitativa e semiquantitativa dos enxertos ósseos autógenos em calota de ratos fixados com adesivo etilcianoacrilato e com parafuso de titânio durante 30 dias. Quatorze ratos da espécie Rattus novergicos albinus (Wistar) foram submetidos a enxertos ósseos autógenos parietais onlay, fixados com etilcianoacrilato (Superbond® Flex Gel® - SB, n = 7), apenas nas bordas e parafuso de titânio no centro (n = 7). Após 30 dias, os animais foram eutanasiados e removidas às amostras para análise histológica. Depois da descalcificação das peças, estas foram coradas com hematoxilina e eosina. O seguinte aspecto foi analisado em ambos os grupos: vitalidade do enxerto pela presença de osteócitos. Na interface, foi avaliada a presença do adesivo (SB), presença de reação tecidual com formação de matriz osteoide, presença de reabsorção óssea, formação de capilares, infiltrado inflamatório, proliferação fibroblástica, presença de osteoblastos, osteócitos e osteoclastos. Os resultados foram submetidos à análise estatística realizada pelo software SPSS Statistic 15.0 ® e também foram realizados testes não paramétricos. Foi usado o teste de Mann-Whitney e o teste Exato de Fisher para comparação intergrupos e, para comparações intragrupos, foi usado o teste de Wilcoxon e o teste de McNemar (p-valor< 0,05) e todos os testes foram bicaudais. Nas avaliações qualitativas, não foram encontradas diferenças estatisticamente significativas. Foi obtida diferença significativa na comparação da avaliação quantitativa intergrupo: PT apresentou mais osteócitos na região central (p= 0,035); em SB, foi observada maior inflamação (p= 0,030) e mais osteoclastos (p= 0,048). Quando se compararam as regiões centrais e as extremidades dos enxertos, o grupo PT demostrou um processo de neoformação óssea mais adiantado, principalmente na região central. Nenhum enxerto se apresentou osteointegrado no grupo SB com 30 dias e, no PT, havia pontos de soldadura do enxerto ao osso receptor, mas não uma completa incorporação do enxerto ao leito receptor.
Abstract: Autogenous onlay bone grafts are widely used in the reconstruction of atrophic alveolar ridges. Recently, etilcianoacrilate was suggestesfor fixing autogenous bone onlay graft. The aim of this study was to perform a qualitative and semiquantitative histological analysis of autogenous bone grafts in the calvaria of rats fixed with etilcianoacrilate adhesive and titanium screw for 30 days. Fourteen Rattus novergicos Albinus (Wistar) underwent onlay parietal bone autografts fixed with etilcianoacrilate (Superbond Gel ® Flex ® - SB, n = 7) only in the edges and titanium screw in the center (n = 7). After 30 days, the animals were euthanized and the samples removed for histological analysis. After decalcification, the specimes were stained with hematoxylin and eosin. The graft vitality to the presence of osteocytes was analyses in the both groups. The interface was evaluated for the presence of: the adhesive (SB), tissue reaction with formation of osteoid matrix, bone resorption, formation of capillary, inflammatory infiltration, fibroblast proliferation, osteoblasts, osteocytes and osteoclasts. Statistical analysis of the results by SPSS Statistic 15.0 ® software and nonparametric tests were performed. Mann-Whitney and Fisher's exact test were used for comparison between groups. Wilcoxon test and McNemar were used for intragroup comparisons (p - value < 0.05). In qualitative assessments, no statistically significant differences were found. A significant difference was found in the intergroup comparison for the quantitative evaluation: the central region of the PT group presented more osteocytes (p = 0.035), increased inflammation (p = 0.030) and more osteoclasts (p = 0.048) were observed in the edges of the SB group. When comparing the central regions and the edges of the grafts, PT group demonstrated more bone formation in the central region. The SB groups showed no osseointegration on the graft. At 30 days in the PT group the graft was only partially integrated to the host bed.
Keywords: Enxerto ósseo
Fixação óssea
Adesivo tecidual
Bone graft
Bone fixation
Tissue adhesives
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA::CLINICA ODONTOLOGICA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Juiz de Fora
Institution Initials: UFJF
Department: Faculdade de Odontologia
Program: Programa de Pós-graduação em Clínica Odontológica
Access Type: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/1557
Issue Date: 28-May-2014
Appears in Collections:Mestrado em Clínica Odontológica (Dissertações)



Items in DSpace are protected by Creative Commons licenses, with all rights reserved, unless otherwise indicated.