Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/1124
Files in This Item:
File Description SizeFormat 
alinemariadocouto.pdf4.66 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Type: Dissertação
Title: Avaliação da prevalência de maloclusão e sua relação com a necessidade de tratamento ortodôntico e com aspectos psicossociais em estudantes de 12 anos de idade da rede pública da cidade de Juiz de Fora: estudo transversal
Other Titles: The prevalence of malocclusion and its relation to the need for orthodontic treatment and psychosocial factors in students 12 years of age public in the city of Juiz de Fora: cross-sectional study
Author: Couto, Aline Maria do
First Advisor: Chaves, Maria das Graças Afonso Miranda
Co-Advisor: Góis, Elton Geraldo de Oliveira
Referee Member: Fabri, Gisele Maria Campos
Referee Member: Guimarães, Simone Maria Ragone
Resumo: O objetivo deste estudo foi avaliar a prevalência de maloclusão e a necessidade de tratamento ortodôntico normativa em estudantes de 12 anos de idade das escolas da rede pública da cidade de Juiz de Fora e verificar a relação de aspectos psicossociais como, nível socioeconômico, acesso aos serviços de saúde bucal, satisfação da criança com a aparência dos dentes e percepção da necessidade de tratamento ortodôntico pela criança e pelo responsável, além do fator gênero, com a maloclusão e a necessidade de tratamento ortodôntico normativa. Foi realizado um estudo transversal cuja população foi constituída por 311 crianças de 12 anos de idade, matriculadas no Ensino Fundamental em escolas públicas de Juiz de Fora. A amostragem do estudo foi realizada por conglomerado, com sorteio proporcional das escolas participantes dentre as escolas públicas da cidade. Para a coleta dos dados, foram usados os seguintes instrumentos: os responsáveis responderam a um questionário sobre nível socioeconômico, acesso aos serviços de saúde do menor e, uma pergunta sobre a necessidade de tratamento ortodôntico da criança. Foi realizado, também, um exame clínico ortodôntico no escolar utilizando o Índice de Estética Dental (DAI) e aplicado o questionário relacionado à aparência de seus dentes (OASIS), o questionário do Índice de Necessidade de Tratamento Ortodôntico-Componente Estético (IOTN-AC) e uma pergunta sobre a percepção da criança em relação à necessidade de tratamento ortodôntico. A análise estatística foi realizada através do teste Qui-Quadrado e do Teste Exato de Fischer. Verificou-se alta prevalência (61,4%) de maloclusão e de necessidade de tratamento ortodôntico normativa em estudantes de 12 anos de idade na cidade de Juiz de Fora. Os aspectos psicossociais como, nível socioeconômico (p=0,142), acesso aos serviços de saúde bucal (p=0,090) e percepção da necessidade de tratamento ortodôntico pela criança (p=0,165), além do fator gênero (p=0,267), não foram associados estatisticamente com a maloclusão e a necessidade de tratamento ortodôntico normativa. Já a satisfação da criança com a aparência dos dentes (p=0,002) e a percepção da necessidade de tratamento ortodôntico pelo responsável (p<0,031) se associaram significativamente com a maloclusão e a necessidade de tratamento ortodôntico normativa. A percepção da necessidade de tratamento ortodôntico, tanto pela criança (94,2%) quanto pelo responsável (90,7%) foi maior que a necessidade de tratamento ortodôntico normativa (61,4%). A indicação da necessidade de tratamento ortodôntico realizada por critérios exclusivamente normativos, não abrange os aspectos subjetivos da maloclusão, uma vez que ignora as necessidades percebidas pelos indivíduos, tal como as implicações psicossociais das disfunções dentofaciais.
Abstract: The objective of this study was to evaluate the prevalence of malocclusion and the need for orthodontic regulatory treatment for students of 12 years of public schools in the city of Juiz de Fora and verify the relationship of psychosocial factors as socioeconomic status, access to services oral health, children's satisfaction with appearance of teeth and perceived need for orthodontic treatment for the child and the responsibility, beyond gender factor, with malocclusion and the need for orthodontic treatment rules. A cross-sectional study was conducted whose population consisted of 311 children 12 years of age, enrolled in primary education in public schools in Juiz de Fora. The study sample was performed by conglomerate with proportional draw of the participating schools from public schools in the city. To collect the data, the following instruments were used: the guardians answered a questionnaire on socioeconomic status, less access to health services, and a question about the need for child's orthodontic treatment. Was also carried out an orthodontic clinical examination in the school using the Dental Aesthetic Index (DAI) and applied the questionnaire related to the appearance of your teeth (OASIS), the questionnaire Treatment Need Index Orthodontic-component Aesthetic (IOTN-AC) and a question about the child's perception of the need for orthodontic treatment. Statistical analysis was performed using the chi-square test and Fisher exact test. There was a high prevalence (61.4%) of malocclusion and need for orthodontic treatment rules for students 12 years of age in the city of Juiz de Fora. The psychosocial aspects as socioeconomic status (p=0.142), access to oral health services (p=0.090) and perceived need for orthodontic treatment for children (p=0.165), and the gender factor (p=0.267), not they were statistically associated with malocclusion and rules need for orthodontic treatment. Already the satisfaction of the child with the appearance of teeth (p=0.002) and the perceived need for orthodontic treatment by the head (p<0.031) were significantly associated with malocclusion and the need for orthodontic treatment rules. The perceived need for orthodontic treatment, both for the child (94.2%) and by the head (90.7%) was greater than the need for orthodontic treatment rules (61.4%). The indication of the need for orthodontic treatment performed by exclusively normative criteria does not cover the subjective aspects of malocclusion, since it ignores the needs perceived by individuals as the psychosocial implications of dentofacial disorders.
Keywords: Tratamento ortodôntico
Prevalência de maloclusão
Dentição mista
Índice de Estética Dental
Orthodontic treatment
Malocclusion prevalence
Mixed dentition
Dental Aesthetic Index
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA::CLINICA ODONTOLOGICA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Juiz de Fora
Institution Initials: UFJF
Department: Faculdade de Odontologia
Program: Programa de Pós-graduação em Clínica Odontológica
Access Type: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/1124
Issue Date: 14-Sep-2015
Appears in Collections:Mestrado em Clínica Odontológica (Dissertações)



Items in DSpace are protected by Creative Commons licenses, with all rights reserved, unless otherwise indicated.