DSpace Repository

O estilo de liderança dos gestores de um curso de idiomas, na percepção dos gerentes e de seus liderados

Show simple item record

dc.contributor.advisor1 Ferreira, Victor Cláudio Paradela
dc.contributor.advisor1Lattes http://lattes.cnpq.br/4377823656746439 pt_BR
dc.contributor.referee1 Santos Junior, Ary Ferreira dos
dc.contributor.referee2 Silva, Raphaela Reis Conceição Castro
dc.creator Plácido, Eliel Carlos Rosa
dc.creator.Lattes http://lattes.cnpq.br/ pt_BR
dc.date.accessioned 2019-05-06T19:11:49Z
dc.date.available 2019-04-23
dc.date.available 2019-05-06T19:11:49Z
dc.date.issued 2016-06-28
dc.identifier.uri https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/9912
dc.description.abstract - pt_BR
dc.description.resumo A pesquisa cujos resultados são aqui apresentados teve como objetivo identificar o estilo de liderança adotado pelos gestores de um curso de idiomas, na percepção dos próprios gerentes e de seus liderados. A base teórica fundamentou-se, principalmente, em Rensis Likert e Patrícia Pitcher, estudiosos da liderança que propõem taxonomias para classificar os estilos gerenciais. Com base nas classificações por eles propostas, foi elaborado um questionário, o qual foi aplicado nos funcionários da empresa estudada e nos gerentes. Outro método de coleta de dados utilizado foi a realização de uma entrevista com a sócia-gestora. A pesquisa contou, ainda, com análise de documentos internos da organização. Os resultados obtidos revelam que, segundo a taxonomia de Likert, os funcionários classificam o estilo de seus gerentes em uma posição entre o consultivo e o participativo. Os líderes também revelaram uma percepção sobre o próprio comportamento de liderança bem próxima da que foi manifesta pelos liderados. Já na classificação proposta por Pitcher, tanto os trabalhadores como os gerentes manifestaram perceber a predominância do estilo denominado “artesão”, com alguma influência do “artista”. Não foi apontada a manifestação dos estilos autocrático (Likert) ou tecnocrático (Pitcher), o que se revela um aspecto favorável à consecução da estratégia adotada na organização, a qual procura ser, como declarado pela sócia-gestora, marcadamente empreendedora. Foram apontados, todavia, alguns pontos discrepantes na percepção dos liderados e dos líderes, os quais, embora não tenham se manifestado em uma intensidade muito significativa, podem servir de subsídio para ações de desenvolvimento gerencial da organização. pt_BR
dc.language por pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) pt_BR
dc.publisher.country Brasil pt_BR
dc.publisher.department Faculdade de Administração e Ciências Contábeis pt_BR
dc.publisher.initials UFJF pt_BR
dc.rights Acesso Aberto pt_BR
dc.subject Liderança pt_BR
dc.subject Gestão de pessoas pt_BR
dc.subject.cnpq CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS pt_BR
dc.title O estilo de liderança dos gestores de um curso de idiomas, na percepção dos gerentes e de seus liderados pt_BR
dc.type Trabalho de Conclusão de Curso pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record