DSpace Repository

Qualidade de vida no trabalho: um estudo sobre a percepção dos instrutores de trânsito que atuam em Juiz de Fora-MG

Show simple item record

dc.contributor.advisor1 Silva, Raphaela Reis Conceição Castro
dc.contributor.advisor1Lattes http://lattes.cnpq.br/2751499099289877 pt_BR
dc.contributor.referee1 Ésther, Angelo Brigato
dc.contributor.referee2 Ferreira, Victor Claudio Paradela
dc.creator Moura, Mayara de Souza
dc.creator.Lattes http://lattes.cnpq.br/ pt_BR
dc.date.accessioned 2019-05-06T19:08:18Z
dc.date.available 2019-04-16
dc.date.available 2019-05-06T19:08:18Z
dc.date.issued 2016-08-04
dc.identifier.uri https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/9911
dc.description.abstract - pt_BR
dc.description.resumo Este trabalho tem por objetivo mostrar a importância de uma boa gestão na área de Recursos Humanos no que tange à Qualidade de Vida no Trabalho em pequenas empresas. O interesse que motivou este estudo surgiu da necessidade de utilizar a Gestão de Pessoas como estratégia competitiva, levando em consideração que o baixo índice de profissionalização -característica evidente nesses tipos de organizações- gera maiores dificuldades na gestão. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de natureza exploratória que utiliza como principal recurso metodológico o questionário. A dimensão empírica da pesquisa envolveu colaboradores, instrutores práticos, dos Centros de Formação de Condutores (autoescolas) de Juiz de Fora, Minas Gerais. Para a análise dos dados, utilizou-se a pesquisa qualitativa, com o objetivo de descobrir o que está por trás dos conteúdos manifestos, avaliando as frequências do que foi respondido pelos pesquisados nos questionários. A partir do exame dos dados, é possível constatar que os instrutores de trânsito percebem que há Qualidade de Vida no Trabalho que exercem, portanto, a falta de uma área de Recursos Humanos profissionalizada em pequenas empresas pode influenciar negativamente em outros aspectos da gestão, mas não na qualidade de vida dos mesmos. A avaliação dos resultados permitiu conhecer que uma parte dos profissionais investigados anseia por melhores salários, valorização profissional, e processo de carreira, mas isso não os impedem de sentir-se bem no ambiente que trabalham. Diante disso, espera-se que os resultados possam contribuir para direcionar a Gestão de Pessoas dessas empresas familiares para valorizarem essa percepção positiva dos colaboradores, direcionando esses potenciais para busca de vantagens competitivas, e sanando as deficiências que foram constatadas. pt_BR
dc.language por pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) pt_BR
dc.publisher.country Brasil pt_BR
dc.publisher.department Faculdade de Administração e Ciências Contábeis pt_BR
dc.publisher.initials UFJF pt_BR
dc.rights Acesso Aberto pt_BR
dc.subject - pt_BR
dc.subject.cnpq CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS pt_BR
dc.title Qualidade de vida no trabalho: um estudo sobre a percepção dos instrutores de trânsito que atuam em Juiz de Fora-MG pt_BR
dc.type Trabalho de Conclusão de Curso pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record