DSpace Repository

Favela e remoção em Juiz de Fora: um estudo sobre a Vila da Prata

Show simple item record

dc.contributor.advisor1 Menegat, Elizete Maria
dc.contributor.advisor1Lattes http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4721744E6 pt_BR
dc.contributor.referee1 Oliveira, Márcio Piñon de
dc.contributor.referee1Lattes http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4783329D3 pt_BR
dc.contributor.referee2 Cassab, Maria Aparecida Tardin
dc.contributor.referee2Lattes http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4788262T4 pt_BR
dc.creator Abreu, Christiane Silva de
dc.creator.Lattes http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4404487D6 pt_BR
dc.date.accessioned 2017-05-17T16:21:14Z
dc.date.available 2017-05-17
dc.date.available 2017-05-17T16:21:14Z
dc.date.issued 2009-09-09
dc.identifier.uri https://repositorio.ufjf.br/jspui/handle/ufjf/4544
dc.description.abstract The objective of this work is to think over the long trajectory of the existence of slums in Juiz de Fora City. We consider that the slums are basically constituted by occupied sites of the city in clandestineness, where the poverty and social exclusion are predominant and their residents suffer from social marginality and invisibility stigmatization. Through the analysis of the clandestine origin of Vila da Prata (Silver Village) in Juiz de Fora, its destruction by the government, followed by the removal of its residents, we had the intention to trace the process how slums have gone through the 1960´s and the 1970´s. We believe that with this work we had described in briefly the facts that motivated the creation of slums as well as the resistances and struggles of these residents as social individuals. pt_BR
dc.description.resumo O objetivo deste trabalho é refletir sobre a longa trajetória de existência de favelas na cidade de Juiz de Fora. Diante disso, consideramos que as favelas são constituídas a partir das áreas clandestinamente ocupadas da cidade como lugares onde predomina a pobreza e a exclusão, cujos moradores sofrem o estigma da marginalidade, da invisibilidade. Através da análise da origem clandestina da Vila da Prata e da sua destruição pelo poder público, seguida da remoção dos seus moradores, buscamos recortar o processo de favelização, neste município, nas décadas de 1960 e 1970. Assim, acreditamos ter observado, ainda que brevemente, aspectos importantes das motivações que conduzem à criação das favelas, bem como dos movimentos de resistência e de luta pela sobrevivência destes sujeitos sociais. pt_BR
dc.description.sponsorship CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior pt_BR
dc.language por pt_BR
dc.publisher Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) pt_BR
dc.publisher.country Brasil pt_BR
dc.publisher.department Faculdade de Serviço Social pt_BR
dc.publisher.program Programa de Pós-graduação em Serviço Social pt_BR
dc.publisher.initials UFJF pt_BR
dc.rights Acesso Aberto pt_BR
dc.subject Favela pt_BR
dc.subject Remoção pt_BR
dc.subject Pobreza pt_BR
dc.subject Exclusão pt_BR
dc.subject Slums pt_BR
dc.subject Removal pt_BR
dc.subject Poverty pt_BR
dc.subject Social exclusion pt_BR
dc.subject.cnpq CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL pt_BR
dc.title Favela e remoção em Juiz de Fora: um estudo sobre a Vila da Prata pt_BR
dc.type Dissertação pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record